Os Motores Harley Davidson

 

Os motores Harley

Vivemos em um mundo onde a tecnologia de computadores muda diariamente. As empresas de motocicleta japonesa tendem a criar novos projetos de motor a cada ano. As linhas de carros são completamente renovadas a cada três ou quatro anos. Então, eis a Harley-Davidson Motor Company.

the Harley-Davidson Open Road Tour at the Altanta Motor Speedway
Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
Como parte das festividades do 100º aniversário, a Harley-Davidson saiu em viagem. Esta fotografia é da parada do Open Road Tour em Atlanta: Harleys até onde a vista alcança do lado de fora do Autódromo de Atlanta.

 

A Harley-Davidson parece trabalhar com um relógio completamente diferente, com novos designs de motores chegando a cada 15 anos ou mais. Entre 1936 e 2003, os designs de motores lançados pela Harley representaram uma constante tentativa de ajuste do mesmo desenho de motor refrigerado a ar de dois cilindros em “V” a 45º. Em 2001, a Harley liberou seu primeiro design realmente novo em uma motocicleta para venda ao público; ainda era um bicilíndrico em “V”. Se você ignorar os primeiros poucos anos da história da empresa como um período de experimentação, houve realmente apenas sete revisões maiores durante os 100 anos de existência da empresa:

  • motores Flathead – fabricados entre 1929 e 1974, os flatheads (cabeçotes-planos) não tinham válvulas no cabeçote; em vez disso, elas ficavam localizadas ao longo do motor e abriam-se para cima em uma câmara ao lado da câmara de combustão; a vantagem do cabeçote-plano era a simplicidade – sem hastes ou balancins e uma peça única fundida com um furo para a vela; um motor Flathead típico tinha uma cilindrada de 742 cm3 e produzia cerca de 22 cv;

 

a flathead engine
Desenho básico de um motor Flathead

 

 

  • motores Knucklehead – fabricados entre 1936 e 1947; o Knucklehead veio de variações de 990 cm3 e 1.200 cm3capazes de produzir 40 e 45 cv respectivamente;
  • motores Panhead – fabricados entre 1948 e 1965; o panhead veio em variações de 990 cm3 e 1.200 cm3capazes de produzir 50 e 55 cv respectivamente; as grandes diferenças entre o Knuckehead e o panhead incluem cabeçotes de alumínio no panhead e linhas de óleo internas, em oposição às linhas externas do Knucklehead;
  • motores Shovelhead – fabricados entre 1966 e 1985; os Shovelheads deslocavam 1.200 cm3 e produziam 60 cv;
  • motores Evolution – fabricados entre 1984 e 1999; a cilindrada é de 1.340 cm3 e o motor produz 70 cv; embora o Evolution de 1.340 cm3 não seja mais produzido, a linha de motocicletas do modelo Sportster usa os motores Evolution com cilindradas de 883 cm3 e 1.200 cm3 (fabricadas desde 1986);
    the 2003 XL Sportster 883R
    Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
    Esta Sportster 883R XL 2003 é equipada com um motor Evolution de 883 cm3 com montagem rígida

     

     

  • motores Twin Cam 88 – fabricados desde 1999; o Twin Cam obteve seu nome do fato de ter dois comandos no bloco para acionar as válvulas; com 1.450 cm3, é o motor de motocicleta da Harley mais produzido e produz 80 cv; o motor permanece refrigerado a ar e tem válvulas no cabeçote acionadas por hastes e balancins; a versão 88B do motor, que saiu em 2000, traz duas árvores contra-rotativas de balanceamento para reduzir a vibração;
  • motores Revolution – começaram a ser fabricados em 2001; o motor Revolution é usado atualmente apenas em um modelo de produção da Harley – a VSRC. Enquanto todos os motores previamente mencionados são praticamente os mesmos e representam melhorias progressivas, o motor Revolution é diferente; ele é refrigerado a água em vez de ar, e o ângulo de seu “V” é de 60º em vez de 45°; ele tem duas árvores de comando de válvulas em cada cabeçote em vez de duas no bloco e incorpora injeção de combustível; é menor, apenas 1.130 cm3; tem curso muito mais curto, permitindo que gire a 9.000 rpm e produza 115 cv.

 

the Revolution Engine
Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
O motor RevolutionTM

 

A linha de produtos
Ao longo dos anos foram criados centenas de modelos de Harley-Davidson e variações, mas, se você quer falar “harleyês”, há certos nomes de modelos na linha atual que você precisa ser capaz de reconhecer. Eis os principais:

  • Sportster – a Harley de entrada. É mais leve e esportiva que a maioria das Harley, daí o nome. A Sportster 2007 tem sete versões. Ela tem 2,23 m de comprimento, pesa cerca de 227 kg e seu preço começa em US$ 6.595 nos EUA. No Brasil, o modelo mais barato da Sportster custa R$ 29.600.
    the 2003 FLSTF Fat Boy
    Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
    Esta Fat Boy® FLSTF 2003 “Terminator-Worthy” é equipada com um motor balanceado Twin Cam 88TM de 1450 cm3 e montagem rígida

     

     

  • Softail – uma moto para qualquer finalidade. Tem cerca de 2,41 m de comprimento e pesa cerca de 295 kg. Os preços variam entre US$ 15.000 e US$ 18.000. Os nomes mais conhecidos desta linha são “Deuce”, a “Fat Boy” (que ficou famosa no filme Exterminador do Futuro 2) e a “Springer Softail”, assim chamada devido ao garfo dianteiro com mola (em vez de um garfo hidráulico).
  • VRSC – esta atualmente é a única produção da Harley-Davidson que usa o motor Revolution. Tem cinco versões, com o preço inicial de US$ 15.000. Ela tem 2,38 m de comprimento e pesa cerca de 272 kg.
    the 2002 VRSC
    Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
    Esta VRSC 2002 é equipada com o novo motor RevolutionTM

     

     

  • Dyna Glide – esta chopper clássica da Harley tem 2,38 m de comprimento, cerca de 286 kg e preços que variam de US$ 12.500 a US$ 18.000.
  • Touring – as motos de turismo incluem a “Road King”, a “Electra Glide” e a “Ultra Classic”. Todas essas motos têm 2,38 m de comprimento, pesam entre 318 kg e 363 kg e possuem bolsas laterais e outros ornamentos de turismo. Os preços começam em cerca de US$ 17.500 e vão até US$ 20.000.
    The 2003 FXDWG Dyna Wide Glide
    Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
    Esta Dyna Wide Glide® FXDWG 2003 é equipada com um motor Twin Cam 88® isolado de vibrações

     

site da Harley-Davidson (em inglês) contém as descrições completas, fichas técnicas, preços e calculadores de pagamento etc. para permitir que você aprenda tudo sobre os diferentes modelos.

Personalização e mercado paralelo

Choppers caridosas!
A Harley-Davidson Motor Company levantou US$ 40 milhões desde 1980 para a Associação de Distrofia Muscular (MDA). A afiliação de 23 anos continua: o dinheiro levantado através dos distribuidores, empregados e clientes da Harley-Davidson durante os vários eventos que são realizados pelo 100º aniversário também serão doados à MDA.
Fonte: website da Harley-Davidson

Uma coisa estranha aconteceu no mercado da Harley.

 

Assim como há pessoas que gostam de personalizar seus carros, muitas também gostam de personalizar suas motos Harley-Davidson. As personalizações podem ser simples, como colocar um sistema de escapamento diferente, ou podem ser radicais, como instalar garfos do estilo chopper.

O suprimento de peças para personalização é chamado de aftermarket, mercado paralelo. Existem milhares de empresas que produzem peças de personalização para Harley-Davidson.

Ao longo do tempo, o aftermarket da Harley cresceu. A Harley-Davidson contribuiu para este processo, ao ser lenta nas mudanças. O aftermarket agora produz cada peça para uma moto Harley sob várias formas: motores, transmissões, quadros, garfos, freios, rodas, tanques de gasolina e assim por diante, todos podem ser adquiridos no mercado paralelo.

 


Foto cortesia da Harley-Davidson Motor Company
Quem precisa de acessórios do paralelo? Você não, se tiver a Screamin’ Eagle Road King® 2003 estacionada em sua garagem 

 

Isso significa que você agora pode ir até os fornecedores, comprar todas as peças que precisa e montar, completamente do nada, sua própria máquina personalizada similar à Harley usando peças da prateleira. Você compra quadro no aftermarket, motor, transmissão e assim por diante. Uma vez que tenha juntado tudo, você tem algo que parece muito com uma “Harley”, mas não inclui uma única peça Harley-Davidson.

Um fornecedor do paralelo como a Cyborg Cycles (em inglês) é o tipo de empresa que pode vender a você todas as peças. A Cyborg fornece para o mercado do “faça você mesmo”. Você também pode comprar kits de motocicleta (em inglês) completos incluindo cada peça que precisa para montar, você mesmo, um clone da Harley. Se você nunca montou uma motocicleta, um kit pode fazer grande parte do trabalho de entendimento do processo e aumentar suas chances de sucesso.

Você pode literalmente fazer qualquer coisa que desejar no mercado paralelo da Harley. Você pode gastar de US$ 10.000 a US$ 100.000 em uma moto que tenha os exatos recursos e aspecto que você deseja.

This entry was posted in Avisos. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *